Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on email
Share on linkedin

Moro diz que Bolsonaro não se compromete contra corrupção

Moro diz que Bolsonaro não se compromete contra corrupção

O ex-ministro da Justiça Sérgio Moro afirmou em entrevista à revista americana Time na quinta-feira (21) que o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) não teve comprometimento com as medidas contra a corrupção e que aceitou entrar no governo para “servir o Brasil e a Lei e não a um mestre”.

Moro rebateu as críticas dos apoiadores de Bolsonaro que o acusaram de ter sido desleal com o presidente ao deixar o cargo e acusá-lo de querer interferir nas investigações da Polícia Federal (PF).

“Não tinha intenção de prejudicar o governo (…) Mas me sentiria desconfortável com a minha consciência se não explicasse por que estava saindo”, disse.

Moro reiterou que aceitou ser ministro da Justiça e Segurança Pública com a intenção de evitar que a Operação Lava Jato enfraquecesse, mas foi supreendido com a “falta de apoio presidencial para medidas contra a corrupção” e as “aparentes alianças recentes com políticos acusados ou condenados por corrupção”.

OUTRAS NOTÍCIAS