Micareta de Feira: Montagem dos camarotes começa nesta sexta-feira (17)

Montagem-de-camarotes-foto-Paulo-Jose-Acorda-Cidade-640x350-1

A montagem dos camarotes para a Micareta de Feira 2023 irá começar a partir da sexta-feira (17). A informação é do empresário Heldes Barcelar, proprietário da empresa Sol de Verão Eventos, responsável pela instalação dos equipamentos no circuito da folia.

“Nós estamos aguardando algumas definições por parte da prefeitura do mapa, pois isso implica na questão das estruturas, consideravelmente, que um ou dois camarotes de porte grande podem atrapalhar o início da montagem, como já atrapalhou, mas vamos iniciar nesta sexta-feira com algum camarote particular e a partir de segunda-feira vamos começar os camarotes oficiais do circuito maior, que será entre o Hemoba e o Colégio Luís Eduardo”, informou Barcelar.

Heldes Barcelar informou que a Sol de Verão Eventos será responsável pela estrutura dos camarotes oficiais, das barracas nas transversais, pórticos, Point Universitário e o circuito da Kalilândia.

De acordo com ele, os camarotes serão montados gradativamente, primeiramente em locais que não têm comércio, para tentar evitar desgastes com os proprietários das lojas que ficam na Avenida Presidente Dutra.

“Aos domingos, vamos montar os pórticos, porque nestes dias tem um trânsito menor e precisaremos isolar a via. Depois vamos montar o circuito da Kalilândia, a questão das barracas nas transversais ficará mais para frente e tem alguns pontos no canteiro central que podem ser montados no decorrer da semana, sem causar transtornos.”

Heldes Barcelar comentou sobre o prazo para a montagem dos equipamentos.

“Temos quatro semanas e meia, e temos que contar com o fator das chuvas, feriados e também não podemos sobrecarregar as equipes, trabalhando de dia e à noite. Vamos começar nesta sexta-feira com um camarote que não atrapalhe a questão do comércio, vai estar bem sinalizado, e vamos tentar ir ocupando todos os espaços. Os comerciantes da Presidente Dutra já estão acostumados, mas a prefeitura também tem que enviar um comunicado informando-os, para que seja de comum acordo e evite o desgaste como aconteceu há alguns anos”, frisou o empresário.

Acorda Cidade

OUTRAS NOTÍCIAS