Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on google
Share on email
Share on linkedin

Mais de 2 mil brinquedos são doados pela PM em Feira de Santana e Vitória da Conquista; Veja como participar da campanha

Mais de 2 mil brinquedos são doados pela PM em Feira de Santana e Vitória da Conquista; Veja como participar da campanha

Mais de dois mil brinquedos foram entregues nesta sexta-feira (8), por unidades da Polícia Militar nas cidades de Vitória da Conquista, no sudoeste do estado, e Feira de Santana, a 300 quilômetros de Salvador.

Segundo informações da Polícia Militar, em Feira de Santana, a Base Comunitária de Segurança (BCS) Rua Nova fez a arrecadação através de parceiros comerciais e moradores. Ao todo, cerca de dois mil itens foram distribuídos nas localidades de Calumbi e Feira IX.

Já em Vitória da Conquista, os brinquedos arrecadados pelos alunos do Curso de Formação de Soldado, comunidade policiais, foram doados pelo 9º Batalhão de Ensino Instrução e Capacitação (BEIC), na Creche Municipal de Educação Infantil Anna Gerúzia Bittencourt Ferraz.

Ainda em comemoração ao Dia das Crianças, a BCS Nova Cidade, também em Vitória da Conquista, proporcionou alegria para as crianças. A unidade policial e parceiros arrecadaram kits de doces e 89 brinquedos entre bonecas, bonecos, bola, quebra-cabeça e carrinhos.

Corte de cabelo, sorvete, picolé, guloseimas e cachorro-quente também fizeram parte das programações.

Campanha

O Comando de Policiamento Regional Atlântico (CPRC-A) da Polícia Militar lançou uma campanha de arrecadação de brinquedos novos e em bom estado para crianças atendidas por instituições filantrópicas.

A iniciativa é resultado da parceria da Polícia Militar com o Shopping da Bahia, Shopping Barra e a TV Bahia.

Para quem deseja participar, a Campanha Solidária “Dia das Crianças Mágico” seguirá até domingo (10), com três urnas de arrecadação de brinquedos instaladas nos Shoppings da Bahia e Barra, das 9h às 18h, e na sede CPRC-A, Rua Osvaldo Valente, nº 631, Itaigara.

Informações; G1

OUTRAS NOTÍCIAS