Mãe possui provas que filho morto em intervenção militar é inocente

jovem

Daniela Guerra, mãe do jovem Marcelo Felipe Guerra dos Santos Rocha, 18 anos, morto durante uma intervenção policial no dia 1º de abril, na avenida Presidente Dutra, em Feira de Santana, alega que há provas da inocência do filho e cobra celeridade nas investigações sobre o caso. Ela alega ‘corporativismo’ das forças de segurança e acusa falha na versão de policiais militares e na colheita de provas.

O caso já completou quatro meses e o inquérito ainda não foi concluído pela Polícia Civil.

Fonte: centraldepolicia.olabahia.com.br

OUTRAS NOTÍCIAS