Jovem furta a própria mãe para comprar cavalo e ir para vaquejada com amigos

adolescentes_cavalos_delegacia_alagoas_widelg

Três adolescentes foram conduzidos à delegacia após negociar a compra de um cavalo e abandonar o animal, sem água e sem comida, na cidade de Penedo, no interior de Alagoas. O caso aconteceu na quinta-feira (16). Os adolescentes, dois de 12 anos e outro de 14, foram ouvidos pela polícia na presença dos responsáveis e liberados. Eles cometeram ato infracional de maus-tratos.


De acordo com o chefe de operações da Delegacia Regional de Penedo, Welber Cardoso, tudo começou porque um dos envolvidos queria participar de uma cavalgada na região, mas não tinha cavalo. Ele então pegou escondido da mãe a quantia de R$ 1 mil e comprou o cavalo de um colega, de 14 anos.

“Esse menor empregou o dinheiro da seguinte forma: pagou R$ 700 pela compra do cavalo a outro menor, de 14 anos, e o restante, os R$ 300 gastou na cavalgada”, detalhou Welber. A polícia recebeu a denúncia de que tinha um cavalo amarrado há 10 dias, sem água e comida, o que configurou o crime de maus-tratos. Uma equipe foi até o local e constatou o fato. A partir daí, as investigações começaram e os policiais chegaram até os adolescentes. 

G1

OUTRAS NOTÍCIAS