Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on email
Share on linkedin

Idoso é mordido após confundir crocodilo com boneco inflável

Idoso é mordido após confundir crocodilo com boneco inflável

Um turista viveu momentos de terror ao confundir um crocodilo com um enfeite e ser atacado violentamente.

Nehemias Chipada comemorava o aniversário de 68 anos em um parque de diversões das Filipinas e desceu em uma piscina para tirar selfies com o que achou ser um boneco em tamanho real da criatura.

O gesto ousado e impensado terminou mal. O crocodilo de 3 m era real, mordeu o braço de Nehemias e o arrastou para a água, para desespero da família dele, que assistia tudo, em meados de novembro.

Estranhamente, as testemunhas do ataque só perceberam que algo estava errado quando Nehemias começou a gritar, já com os dentes do animal cravados no braço.

O visitante Rogelio Pamisa, que filmou o vídeo, ainda se justificou por não ter ajudado em nada durante o ataque. Por causa do conteúdo forte, só é possível ver o vídeo diretamente no YouTube.

“Eu queria ajudá-lo, mas estava com medo e não sabia como lidar com um ataque de crocodilo”, afirmou ele à agência de conteúdo ViralPress.

A vítima conseguiu se livrar do animal depois de dar uma tapa na cabeça dele. Após sair da água e receber um rápido atendimento, ele foi levado para um hospital próximo, onde foi tratado e sobreviveu ao estranho acidente.

Passado o susto, a família culpou o parque pela falta de placas e sinalização que deveriam apontar para a presença de um predador feroz na pequena piscina. A direção do parque arcou com os custos médicos, mas negou qualquer negligência no caso, dizendo que a área é inteiramente sinalizada.

Nehemias teve ferimentos profundos e fraturas em vários pontos do braço e coxa esquerdos, mas não corre risco de sequelas graves.

Informações; R7

OUTRAS NOTÍCIAS