Homem sente mais prazer na próstata? Urologista comenta declaração polêmica de Vitão

cantor_vitao_widelg

Desde que Vitão recomendou o sexo anal para os homens, o assunto vem sendo motivo de debate entre internautas. De acordo com o cantor, “a zona de mais prazer do homem é a próstata”. No entanto, em entrevista ao BNews, o médico urologista Roberto Rossi negou a afirmação do artista e, inclusive, repudiou a atitude do ex-namorado da cantora Luísa Sonza, de fazer a afirmação sem qualquer fundamento científico.

Vitão, que revelou estar vivendo uma fase de descobertas e liberdade sexual, disse, em entrevista à Quem, que o sexo anal ainda é pouco explorado no cotidiano do homem, pois a sociedade é machista. “Podemos sentir prazer de muitas formas e não só sexualmente. Mas a gente se prende ao sexo heteronormativo, homem, mulher, penetração e gozou, acabou”, criticou o cantor.

Segundo o doutor em urologia pela Universidade de Essen, na Alemanha, não existe uma região no corpo que o homem sinta mais prazer. “Tudo depende da situação, do que o homem deseja, do quanto ele deseja ter prazer e da forma que ele deseja ter prazer. Então, não se pode dizer que a zona de mais prazer do homem é a próstata, de jeito nenhum. Isso é um absurdo”, afirmou o especialista.

Para o urologista, Vitão também foi infeliz nas suas considerações sobre o sexo entre o homem e a mulher. “Ele caracterizou o sexo heteronormativo como ‘penetrou, gozou e acabou’. Eu discordo veementemente dele”, aponta o médico.

“Existem homens que são machistas ao ponto de não desejarem que a parceira tenha prazer, isso é uma coisa, mas você generalizar que o sexo heteronormativo é essa coisa seca?”, discordou Rossi.

Sexualidade

O urologista considerou que as regiões onde o homem sente prazer não são critérios para definição de sexualidade. “Quantos casais a esposa, a namorada, toca a próstata, toca o ânus, toca a bolsa escrotal do parceiro? Quantos casais a esposa utiliza um vibrador para acompanhar eles no momento de prazer? Quantos homens têm prazer em serem estimulados em determinadas partes do corpo e são heterossexuais?”, elencou.

“Eu acho que isso não tem nada a ver com a questão de ser hétero, ou não. Eu acho que cada um tem direito de sentir prazer da forma que lhe é conveniente e que lhe agrada”, avaliou o médico.

Além disso, de acordo com o profissional, as formas de prazer dos seres humanos são questões individuais, que variam de pessoa para pessoa. “Claro, que se você for uma pessoa que tem o desejo de conhecer outras pessoas, outras formas de sentir prazer, incluindo estar junto de pessoas do mesmo sexo biológico que o seu, ou não, isso é uma questão sua”, considerou.

Rossi ressaltou, ainda, o fato de que existem homens que não sentem prazer na próstata. “A gente não pode dizer que a próstata é o lugar que gera mais prazer pro homem. Não tem nenhum estudo que demonstre isso. A gente tem, sim, relatos de homens que têm prazer ao estímulo da próstata, outros, absolutamente nenhum”, completou o urologista.

OUTRAS NOTÍCIAS