Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on email
Share on linkedin

Homem matou mulher grávida para não assumir paternidade; Acusado é filho de pastores e casado com outra mulher, com quem tem filho

Homem matou mulher grávida para não assumir paternidade; Acusado é filho de pastores e casado com outra mulher, com quem tem filho

A Polícia Civil de Rondônia prendeu, nessa sexta-feira (4/2), o homem apontado como suspeito de esfaquear a gestante Antonielli Nunes Martins (foto em destaque), de 32 anos, em Rolim de Moura (RO). O acusado foi identificado como Gabriel Henrique Santos Souza Masioli, 28.

Segundo os investigadores, o suposto autor do crime é filho de pastores evangélicos e está casado com outra mulher, com quem tem um filho. O crime, conforme relatou aos policiais, teria ocorrido para ocultar o relacionamento extraconjugal dele com a vítima.

O suspeito esteve na delegacia para confessar o crime, mas não foi preso de imediato, em razão da falta de flagrante. Liberado, ele tornou a ser detido horas depois, desta vez após ter a prisão decretada pela Justiça.

OUTRAS NOTÍCIAS