Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on google
Share on email
Share on linkedin

Homem é socorrido por bombeiros após ficar com aliança presa no dedo dois dias depois do casamento

Homem é socorrido por bombeiros após ficar com aliança presa no dedo dois dias depois do casamento

Na última segunda-feira (21), o Grupamento de Bombeiros Militar da Barroquinha, em Salvador, foi acionado para resolver uma situação um tanto quanto inusitada. Os profissionais precisaram fazer a remoção de uma aliança presa ao dedo de um homem. Moiseis Freitas Soares, que estava acompanhado da esposa, chegou ao quartel após ter sido orientado numa unidade de saúde.

De acordo com o Corpo de Bombeiros, a remoção durou cerca de 30 minutos. Moiseis, que havia casado dois dias antes do ocorrido, estava com o dedo inchado e um pouco ferido. Para retirar o objeto, foi necessário a utilização de uma micro retífica e um alicate alargador.

“Fui na emergência ortopédica de um hospital em Salvador. Os médicos tentaram de todos as formas e não conseguiram (retirar a aliança) foi então que indicaram que eu procurasse o corpo de bombeiros”, disse aliviado após a remoção do acessório. “Agora estou esperando o dedo melhorar para comprar outra aliança”, completou.

O Corpo de Bombeiros orienta que caso a pessoa verifique que o anel ficou preso no dedo sem conseguir retirá-lo, deve-se procurar uma unidade do grupamento mais próxima, pois, quanto mais rápido o socorro for prestado, menos danos são causados à circulação de sangue. Os militares possuem técnica e equipamentos apropriados para a extração do acessório.

Informações: Bnews

OUTRAS NOTÍCIAS