Homem é preso em flagrante por estupro de universitária com deficiência

sem_titulo_FAbTqo6_widelg

Acusado do crime de estupro de vulnerável cometido contra uma estudante universitária de 39 anos, que sofre de transtorno bipolar, tem retardo mental leve e deficiência auditiva, um homem de 40 anos foi autuado e preso em flagrante, nesta sexta-feira (14).

De acordo com informações da assessoria de Comunicação da Polícia Civil de Alagoas, o suspeito e vítima se conheceram por meio da internet por onde estavam se relacionando há 10 dias via aplicativo de mensagens.

O homem marcou um encontro em sua casa, no bairro da Gruta, em Alagoas, onde o estupro aconteceu. A vítima foi até o local após sair da faculdade. A mulher disse em seu depoimento que ao chegar à residência foi obrigada a ingerir bebida alcoólica. Em seguida foi agredida e estuprada. Ela tentou gritar, mas teve a boca tampada por ele.

A vítima deixou o local em um carro de aplicativo e, ao chegar em casa, os pais acionaram a polícia depois de perceberem os hematomas no corpo da mulher. Militares deram início às diligências ainda na quinta-feira (13) e nesta sexta, o homem foi preso.

A vítima foi encaminhada ao Hospital da Mulher onde fez exame de conjunção carnal e tomou medicação preventiva de doenças sexualmente transmissíveis.

BN

OUTRAS NOTÍCIAS