Homem acusado de matar ex-companheira recebe sentença do júri

IMG-20221124-WA0042-768x432-1

Nesta última quarta-feira (23), o indivíduo Genivaldo dos Santos, conhecido pelo apeido “Duda” compareceu em uma audiência no salão do Júri do Fórum Desembargador Filinto Bastos, em Feira de Santana. A sessão ocorre pelo assassinato da ex-companheira de Genilvaldo, Vânia Martins da Silva, realizado no dia 03 de novembro de 2021. A vítima foi morta a facadas dentro da própria residência, localizada no distrito de Humildes. 

A infração foi conduzida na presença da filha da vítima. Em seguida ao veredito da acusação e da defesa,  o réu Genivaldo dos Santos foi condenado a 39 anos, 4 meses e 15 das de cárcere, por homicídio triplamente qualificado. 

A delegada Maria Clécia Vasconcelos, responsável pelas investigações e combate a crimes contra a mulher e titular da Delegacia Especializada em Atendimento à Mulher (DEAM), enalteceu a resposta ao julgamento que demorou cerca de um ano e que um crime danoso e hediondo precisa ser rechaçado. Conforme a delegada, a pena não vai ser justa pelos dano que a família passou durante tanto tempo. 

 

Fotos: Sotero Filho/ blog central de polícia

 

 

OUTRAS NOTÍCIAS