Feira de Santana ganha a 4ª Vara da Família

Inauguracao-da-IV-Vara-da-Familia-no-Forum-Desembargador-Filinto-Bastos-Foto-ACM-8

Moradores de Feira de Santana ganharam uma nova unidade judiciária: a 4ª Vara de Família, Sucessões, Órfãos e Interditos foi instalada no Fórum Desembargador Filinto Bastos na manhã desta quinta-feira (27). O prefeito Colbert Filho acompanhou a cerimônia conduzida pelo presidente do Tribunal de Justiça da Bahia (TJ – BA), desembargador Nilson Castelo Branco.

“A Vara de Família tem uma função social muito grande: pacificar os conflitos existentes na célula mater do Brasil que é a família. Nós precisamos cada vez mais proporcionar ao cidadão, independente da categoria econômica e financeira dele, o acesso ao juiz titular da Vara de Família para mitigar ou extinguir os conflitos existentes”, considerou o presidente do TJ – BA.

Com o intuito de aperfeiçoar o serviço no 1º Grau, a 4ª Vara da Família era um antigo pleito do judiciário feirense – desde 2005 lutavam por isso.

“Este é um momento histórico para Feira de Santana. São mais de 16 mil processos que tramitaram nas três varas. A 4ª Vara da Família dará mais celeridade aos processos e melhor acolhimento ao cidadão”, afirmou a juíza da comarca de Feira, Kátia Regina Mendes Cunha.

Na solenidade também foi anunciada a implantação de uma sala passiva no Fórum de Juizados Especiais, na avenida Presidente Dutra, visando assegurar o acesso do cidadão ao atendimento. Esta é a 16ª na Bahia.

“A sala passiva vai proporcionar maior celeridade nos trabalhos, uma vez que a modalidade dos processos é digital, aumento da produtividade, redução de custos e facilidade, aproximando o judiciário da população”, destacou a desembargadora Cyntia Maria Pina Resende.

O prefeito Colbert Filho, que também compôs a mesa, enfatizou que o judiciário feirense dá mais um importante e necessário passo na prestação do serviço à comunidade.

“A instalação da 4ª Vara é um passo importante para reduzirmos o tempo de tramitação dos processos e a Prefeitura de Feira está disponível para contribuir com o poder judiciário no que for possível”.

Ainda participaram desembargadores, titulares das comarcas de Feira, advogados e autoridades civis e militares, além do presidente da OAB Subseção de Feira, Raphael Pitombo.

OUTRAS NOTÍCIAS