Ex-Vereador é usado como “Coringa” pela Prefeitura de Feira e já trocou de função várias vezes somente em 2021

AFSz2I4aRUkt8JoweZVsjhTRw3SU0ctZ9bPybwm3

O ex-vereador Carlito Moreira é o que se pode definir como um “coringa” dentro da Prefeitura de Feira, onde serve há mais de 20 anos. Já passou por várias secretarias e funções, desde 1993, no governo do então prefeito João Durval Carneiro.

Ao completar 69 anos de idade, neste domingo (8), Dia dos Pais, Carlito conversou com o Protagonista sobre sua carreira do serviço público. Somente em 2021, no governo Colbert, Carlito já trocou de função quatro vezes.

Tudo começou em 1993, quando foi nomeado diretor na Secretaria de Desenvolvimento Social, no governo de João Durval, na Prefeitura de Feira. “João Durval deixou a Prefeitura em 1994, para ser candidato a governador. José Raimundo assumiu. Aí fui designado para a Secretaria de Desenvolvimento Econômico, pasta criada da junção de Abastecimento com Turismo. Fui nomeado diretor de Desenvolvimento Econômico, com a missão de coordenar a mudança dos camelôs da rua Sales Barbosa para a praça Presidente Médici, hoje o Feiraguay. Na época, ninguém queria a mudança”, recorda.

Em 1996, se afastou para ser candidato a vereador pelo PDT. Foi eleito, mas não conseguiu a reeleição. Abriu-se aí um hiato no serviço público, de pouco mais de um ano. “Fui ser correspondente do jornal Folha do Estado na região do Recôncavo”, relembra.

Em fevereiro de 2002 voltou ao serviço público, nomeado por José Ronaldo em uma Diretoria no Instituto de Previdência Social. Em 2009, com a eleição de Tarcízio Pimenta, ficou no setor financeiro do órgão. Ao todo foram 10 anos na Previdência Municipal.

Em 2013, Carlito Moreira foi nomeado para o Gabinete do então prefeito José Ronaldo, como coordenador de Projetos Especiais. Permaneceu até 2015, quando foi para a Secretaria de Desenvolvimento Urbano (Sedur), chefe de Gabinete do então secretário José Pinheiro.

Carlito ficou na função até agosto de 2020, quando foi criada a Superintendência de Operações e Manutenção (SOMA), onde foi designado diretor Administrativo e de Pessoal.

Em 2021, já no governo Colbert, Carlito Moreira já colaborou com vários setores da Prefeitura. Começou na Secretaria de Cultura, Esporte e Lazer, nomeado para colaborar na implantação do Conselho Municipal de Cultura, como Oficial de Gabinete.

Já em maio foi designado para o Gabinete do prefeito, como assessor. Em junho, foi nomeado para a coordenação do Bolsa Família e CadÚnico, na Secretaria de Desenvolvimento Social (Sedeso). Função que deveria sair desde o sábado passado (7), quando foi publicada sua exoneração e imediata nomeação como chefe de Gabinete da Secretaria Municipal Habitação. Porém, o livro da vida de Carlito no serviço público ganhou novo capítulo. Sua exoneração e nomeação do sábado (7) foram revogadas, em decretos publicados nesta terça (10).

Para o “coringa” Carlito Moreira, independentemente da função e das constantes mudanças, o importante é servir bem. “O servidor público deve ter como premissa o bom atendimento, independentemente de partido, raça, condição social ou religião. Deve ser sinônimo de bom atendimento”, indica.

Para desenvolver bem todas essas funções no serviço público, Carlito estudou, se aprimorou. É formado em Gestão Pública, na Uninter, e Administração com Recursos Humanos, na FTC. “Agora estou cursando Direito, na FAT, na busca de mais conhecimento”, enfatiza.

Informações: O Protagonista

OUTRAS NOTÍCIAS