Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on google
Share on email
Share on linkedin

Em baixa, defesa do Bahia tem titulares e reservas com contrato para 2021

Em baixa, defesa do Bahia tem titulares e reservas com contrato para 2021

O torcedor do Bahia não tem muitos motivos para elogiar o sistema defensivo do time. Com 48 gols sofridos, o Tricolor tem a defesa mais vazada da Série A do Campeonato Brasileiro. Uma reformulação seria o caminho natural para 2021, porém, vários atletas do setor, entre titulares e reservas, possuem contrato até, pelo menos, o fim do ano.

Da formação que iniciou a partida contra o Internacional, a última de 2020, apenas Ernando não possui contrato de longa duração. O zagueiro tem vínculo até o fim do Campeonato Brasileiro, em fevereiro. Recentemente, os laterais Nino e Juninho Capixaba prorrogaram a permanência no Bahia até o fim de 2021. Titular absoluto, Douglas Friedrich renovou o contrato com o Bahia até 2022. Juninho, que foi comprado junto ao Palmeiras, é outro com contrato até o fim de 2022.

Atletas com contrato de longo prazo

Douglas Friedrich – fim de 2022

Nino – fim de 2021

Lucas Fonseca – fim de 2021

Anderson Martins – fim de 2021

Juninho – fim de 2022

Everson – fim de 2022

Juninho Capixaba – fim de 2021

Matheus Bahia – fim de 2022

No caso de Juninho, existe ainda uma cláusula que prevê a renovação automática de contrato caso ele participe de pelo menos 60% dos jogos do Bahia na temporada de encerramento do vínculo. O Tricolor adquiriu 50% dos direitos econômicos do defensor em negociação realizada no fim do último ano. A operação custou aproximadamente 1,3 milhão de euros, o que, na época, correspondia a R$ 5,7 milhões.

Outros dois zagueiros possuem contrato com o Bahia que vai além do encerramento da Série A. Os experientes Lucas Fonseca e Anderson Martins têm vínculo com o Tricolor até o fim de 2021. No caso de Lucas, houve renovação automática nos últimos dias de 2020.

Everson, que voltou de empréstimo do Paraná e passou a treinar com o grupo principal, deve fazer parte do elenco que disputará o Campeonato Baiano de 2021. O defensor tem contrato até o fim de 2022.

Jogadores com fim do vínculo próximo

Anderson

Matheus Claus

Zeca

João Pedro

Ernando

Já o goleiro Anderson e os laterais Zeca e João Pedro têm contrato até fevereiro. O goleiro recebeu muitas críticas após substituir Douglas Friedrich, perdeu espaço e ficou afastado até mesmo do banco de reservas. Zeca e João Pedro estão no Tricolor emprestados e devem retornar para o Internacional e o Porto, respectivamente. Também goleiro, Matheus Claus renovou com o Bahia até maio de 2021.

Além dos jogadores que possuem contrato válido para 2021 no elenco atual, o Bahia possui peças que não estão no clube e voltarão após período de empréstimo. É o caso de Ignácio, cedido ao CSA, que possui vínculo com o Tricolor até 2022. O lateral-esquerdo Mayke, que fez parte do time de aspirantes no início de 2020, retorna de empréstimo do Joinville e também possui contrato até 2022.

Informação – Globo Esporte

OUTRAS NOTÍCIAS