Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on google
Share on email
Share on linkedin

Deputados baianos fecham primeiras indicações para cargos no governo Temer

Deputados baianos fecham primeiras indicações para cargos no governo Temer

IMAGEM_NOTICIA_5

Os deputados federais baianos favoráveis ao impeachment concluíram suas primeiras indicações para os cargos federais que serão distribuídos pelo presidente interino Michel Temer ao estado. Segundo informações da coluna Satélite, a lista tem 14 nomes associados aos cargos para os quais são indicados. Pelo DEM, as sugestões foram: Paulo Azi (Incra), José Carlos Aleluia (Funasa), Elmar Nascimento (Codevasf de Juazeiro), Cláudio Cajado (Departamento Nacional de Obras contra a Seca) e Pastor Luciano Braga (Iphan). Pelo PSDB, Antonio Imbassahy (Sebrae), Jutahy Júnior (Caixa Econômica) e João Gualberto (Companhia Nacional de Abastecimento). No PRB, Tia Eron pode ficar com o Banco do Nordeste; Márcio Marinho, com o Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit). A divisão ainda engloba Uldurico Junior (Ibama), Erivelton Santana (PSC), na Superintendência do Ministério da Agricultura; Arthur Maia (PPS), na Codevasf de Bom Jesus da Lapa e Benito Gama (PTB) com a Superintendência do Ministério do Trabalho. O petebista, aliás, é apontado como pivô da ausência do deputado Lúcio Vieira Lima (PMDB), o mais votado em 2014.

Interlocutores do parlamentar apontam que o peemedebista estaria incomodado com o fato de Gama conduzir o processo. Em entrevista à Satélite, Lúcio desconversou sobre a ausência gerar um impasse nas negociações. “Ainda não existe nada definido. O que há é um esboço. Pode ser que eu escolha logo, pode ser que não. Temos muito para discutir”, afirmou. O trunfo de Lúcio, no entanto, seria o fato de estar com Geddel Vieira Lima, ministro da Secretaria de Governo de Temer, o veredito.

OUTRAS NOTÍCIAS