Deputado bolsonarista vai ter que pagar por microfone quebrado

frxqagqx0aayi6h_widelg_widelg-1

A direção da Câmara dos Deputados vai cobrar do deputado bolsonarista André Fernandes (PL-CE) o pagamento do microfone quebrado pelo parlamentar durante discurso realizado na última terça-feira (21).

Na oportunidade, Fernandes, que está sendo investigado pelos atos golpistas do dia 8 de janeiro, se exaltou durante uma fala na tribuna e deu um tapa no microfone na Câmara.

O microfone danificado pelo deputado é avaliando em R$ 1.600. A Câmara avalia se fará o conserto ou fará a troca do equipamento. Fernandes se comprometeu a pagar pelo reparo ou pela eventual troca do microfone, segundo informou a Câmara.

André Fernandes foi o deputado eleito com mais votos no Ceará. Ele foi incluído pelo ministro do Supremo Tribunal Federal, Alexandre de Moraes, por suspeita de ter incentivado os atos golpistas do dia 8 de janeiro em Brasília. Ele publicou um vídeo no Twitter contra Lula e chamou apoiadores para as manifestações que terminaram nas cenas de vandalismo às sedes dos Três Poderes.

BNEWS

OUTRAS NOTÍCIAS