Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on email
Share on linkedin

Delegado afirma que suicídio de pastora pode ter sido “simulado” pelo ex-companheiro da vítima para desviar investigação da Polícia

Delegado afirma que suicídio de pastora pode ter sido “simulado” pelo ex-companheiro da vítima para desviar investigação da Polícia

Nesta terça-feira (19/4), novas informações referentes a morte da Pastora Eliana de Jesus Santana (mãe) e Ronivon Santana Batista (filho), encontrados sem vida dentro de sua residência, na última sexta-feira (15/4), foram divulgadas pela Polícia Civil de Conceição do Jacuípe, que apresentou atualizações e avançou nas investigações sobre o caso. A principal finalidade é estabelecer em que circunstâncias ocorreram o evento morte, tendo em vista que as primeiras informações indicavam suicídio, fato que pode ter sido ‘’simulado’’.

Conforme informado pelo delegado de Polícia Civil do município, Marcos Veloso, com as colheitas de depoimentos e outras evidências é possível apontar como principal ‘’suspeito’’ da ação um homem identificado pelo prenome de Felipe, que atuava como Missionário e era companheiro da vítima, eles teriam começado a se relacionar no início de janeiro de 2022. O suspeito em questão teria agido juntamente com um outro homem, identificado como Matias, que dizia ser ‘’irmão’’ de Felipe.

Ainda de acordo com a polícia, cabe ressaltar que Felipe e Matias tinham total acesso a residência de Eliana, onde também ficava sediada uma igreja. A vítima passou a levantar suspeitas contra Matias após diversos episódios de ‘’furtos’’ em sua residência, bem como em uma ocasião em que teve a sua motocicleta ‘’queimada’’. As suspeitas de Eliana ocasionaram repulsa e rechaça por parte de Felipe, que tentava defender o suposto “irmão”, inclusive com ameaças contra a ex-companheira.

A partir desses fatos, Eliana tentava por fim no relacionamento. Ressalta-se ainda que Felipe, oriundo de Lauro de Freitas ou Salvador, residia em Conceição do Jacuípe com Matias desde 17/10/2021, em uma casa alugada. Após os corpos de mãe e filho serem encontrados, ambos ‘’desapareceram’’ do município. Uma motocicleta modelo Honda Pop e os celulares da vítimas foram furtados.

A Policia Civil aguarda os laudos de necropsia e do local de crime para delinear as investigações com franca possibilidade de representar pela prisão preventiva de ambos.

Informações: FalaGenefax

OUTRAS NOTÍCIAS