Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on email
Share on linkedin

Corpo de professora desaparecida foi encontrada no quintal de casa em Nova Iguaçu

Corpo de professora desaparecida foi encontrada no quintal de casa em Nova Iguaçu

O corpo de uma professora, identificada como Ana Julia Mathias Thurler Alvarenga, foi encontrado na quarta-feira (18) enterrado no quintal da própria casa. O principal suspeito de matar e ocultar o cadáver, diz a polícia, é o marido dela, o engenheiro Jessé de Souza Cunha. O crime aconteceu na cidade de Nova Iguaçu, no Rio de Janeiro.

De acordo com informações do jornal Extra, Ana Julia estava desaparecida desde a última segunda-feira (15), quando saiu do trabalho em direção à casa onde morava. O marido chegou a fazer um registro de ocorrência pelo desaparecimento da mulher. Ele também ajudou os familiares dela nas buscas e fez postagens nas redes sociais pedindo informações sobre o paradeiro da vítima.

Os investigadores começaram a desconfiar do engenheiro porque câmeras de segurança instaladas em residências vizinhas mostraram o momento em que a professora chega em casa e não sai mais. O GPS do celular dela também informava que o aparelho telefônico estava na residência.

Ainda de acordo com o Extra, quando confrontado, o marido confessou o crime e mostrou aos agentes onde o corpo da professora estava. Ele foi preso em flagrante por feminicídio e ocultação de cadáver e passará por uma audiência de custódia.

Uma amiga da vítima, que preferiu não se identificar, disse, também ao Extra, que o casal se relacionava há cerca de quatro anos. Eles não tinham filhos e a professora nunca havia reclamado de agressões e brigas.

 

Fonte: bnews.com.br

OUTRAS NOTÍCIAS