Coronel Piton será exonerado do cargo para assumir nova função; Saiba mais

Após decisão do Comando Geral da Polícia Militar da Bahia, o Coronel Adalberto Píton será exonerado do Comando de Policiamento Regional Leste (CPRL). O CPRL abrange uma área composta por 102 municípios e é responsável por coordenar mais de 4.200 policiais. As informações são do Acorda Cidade.

Recentemente, foi publicado um decreto que estabelece a permanência do CPRL em Feira de Santana e a criação de novos comandos de policiamento. Um comando de policiamento será instalado na região do Recôncavo, próximo a Santo Antônio de Jesus, e outro na região de Paulo Afonso, entre outros. A Região Leste será dividida, e as novas unidades absorverão algumas unidades e municípios, de acordo com o território de identidade.

Como parte dessa segurança, dois novos coronéis foram promovidos recentemente para comandar essas regiões. Além disso, um novo comandante será designado para a região leste a fim de realizar a transição. O Coronel Piton retornará a Salvador para assumir uma nova missão, deixando Feira de Santana satisfeita com o trabalho realizado.

A rotatividade de missões na carreira do comandante dura em média até dois anos, e desde a Micareta já havia indicações do fim da missão do Coronel Piton em Feira de Santana.
O Coronel Antônio Lopes ocupava a função de assessor do subcomandante-geral, assessorando o alto comando da Polícia Militar. A escolha de seu nome para assumir o comando na região leste foi feita pelo Comando Geral, na pessoa do Coronel Coutinho.

A passagem do comando será realizada em gabinete, em Salvador, junto a outros coronéis. Na segunda-feira, o Coronel Piton se despediu de sua tropa em Feira de Santana e deve sair do comando com um sentimento de realização e gratidão por ter contribuído para o desenvolvimento da cidade.

Com essa mudança, o Coronel Piton assumirá a função de ouvidor-chefe da Polícia Militar, na qual continuará trabalhando para fazer um trabalho de aproximação da da sociedade, ouvindo as demandas da corporação e assessorando o comandante nas decisões estratégicas.

Informações Acorda Cidade

OUTRAS NOTÍCIAS