Como o Dia Internacional da Mulher passou a ser celebrado em 8 de março ?

csm_Collage_Maker-08-Mar-2023-03-50-PM-4077_37e11d03ab

No dia 8 de março acontece a comemoração do Dia Internacional da Mulher. A data, criada em 1917 para representar a luta por justiça para o gênero, só foi oficializada em 1975, em uma assembleia da Organização das Nações Unidas (ONU).

Como dá para imaginar, diferente de outras datas comemorativas, o dia não foi criado pelo comércio. Mas muitos não conhecem os acontecimentos históricos que geraram a data, e porque ela é celebrada neste dia.

Da onde surgiu o Dia das Mulheres?

Vários eventos influenciaram a criação da data, mas dois deles são considerados determinantes para sua oficialização.

O primeiro foi uma tragédia que aconteceu em 1911: O incêndio na fábrica de roupas Triangle Shirtwaist, em Nova York. Segundo pesquisadores, essa foi uma das primeiras vezes em que as terríveis condições de trabalho que as mulheres eram submetidas tomou as capas dos jornais;

O segundo é considerado um marco da História Contemporânea, e diz respeito a marcha das mulheres russa por pão e paz em 1917. Na época, as mulheres protestaram por melhores condições de vida, trabalho e pelo fim da Primeira Guerra Mundial – em um contexto que ainda não podiam votar.

Incêndio

Dois anos antes do incêndio em Nova York, em 1909, as mulheres que trabalhavam na fábrica têxtil haviam feito uma greve, reivindicando melhores condições de trabalho e o voto feminino. Em conjunto com os sindicatos e com o Partido Socialista da América, elas se reuniram em uma passeata que reuniu cerca de 15 mil mulheres. A fábrica recusou as reivindicações.

Um ano depois, em 1910, o movimento inspirou a ativista alemã Clara Zetkin a criar uma data anual para comemorar a luta, nas conferências de mulheres da Internacional Socialista, em Copenhague.

Já em 1911, a fábrica continuava mantendo as funcionárias em uma jornada de trabalho de cerca de 14 horas ao dia, em semanas que ultrapassavam as 60 horas, e eram remuneradas com 6 a 10 dólares. Elas também protestavam por mais segurança no trabalho.

Foi quando a fábrica pegou fogo, e dos 600 funcionários, 146 pessoas morreram, das quais 129 eram mulheres, no dia 25 de março. Por isso, o mês de março ficou marcado na história como uma conscientização do desastre.

Revolução Russa

Já o dia 8 de março surgiu quando as mulheres russas passaram a protestar por direitos igualitários, em 1917, no estopim da Revolução Russa. No dia 8 do mesmo ano, milhares de russas se reuniram em uma passeta pedindo pelo fim da Primeira Guerra Mundial, e contra o desemprego.

Nos anos seguintes, o Dia das Mulheres continuou a ser celebrado naquela data pelo movimento socialista, na Rússia e nos demais países do bloco soviético.

Oficialização

Com a luta feminista ganhando força e a consolidação do direito ao voto, em 1975, a ONU reconheceu a data como uma celebração dos direitos do gênero feminino e estabeleceu, então, que o dia 8 de março seria o Dia Internacional das Mulheres.

A partir daí, o evento passou a ser comemorado por mais de 100 países como um momento dedicado à luta pela igualdade de gênero.

CORREIOS

OUTRAS NOTÍCIAS