Comissão de residência médica do MEC realiza visita técnica ao Hospital Clériston Andrade

WhatsApp-Image-2023-08-30-at-11.58.37

A Comissão Nacional de Residência Médica (CNRM), vinculada ao Ministério da Educação (MEC), realizou terça-feira (29), uma visita ao Hospital Geral Clériston Andrade (HGCA). O objetivo foi avaliar a unidade hospitalar para implantação de novos programas de residência em três áreas: Anestesiologia, Neurocirurgia e Endoscopia.

Os avaliadores Jedson dos Santos Nascimento, Marcos Clarêncio, Marcos Antonio Herculano participaram inicialmente de uma reunião com a diretoria-geral e médica da unidade para tratar dos pilares para implantação de residências médicas: Infraestrutura, Preceptores e Custeio. Acompanhada por preceptores, diretores, coordenadores e membros da Coordenação de Residência Médica (COREME), a comissão percorreu as enfermarias, emergência, ambulatório, a nova enfermaria, o Centro de Hemorragia Digestiva do Interior (CHDI), o Centro de Diagnostico por Imagem, Centro Cirúrgico, Unidades de Terapia Intensiva UTIs) e demais dependências da unidade.

“A chegada de novas residências médicas para o Hospital Clériston Andrade é de interesse do Governo do Estado, visto que já estamos em ampliação de leitos, e por sermos um hospital escola temos campo para acolher novos residentes. Diante disso, posso afirmar que o Clériston Andrade tem todos os requisitos necessários de infraestrutura e equipe para que se possa implantar novos programas de residência médica”, garantiu a diretora do HGCA, Cristiana França.

Segundo o coordenador-geral da Residência Médica do HGCA, Francisco Freitas, o HGCA aguarda agora a apreciação do MEC para iniciar a formação dos médicos residentes nas novas áreas citadas. “Essa será sem dúvida uma grande conquista não apenas para o HGCA, como também para a comunidade que passará a contar com mais especialistas nestas áreas”, comemorou Francisco.

Na oportunidade, a direção do HGCA mostrou para a CNRM toda a infraestrutura e capacidade que a unidade possui para receber novos cursos de residência médica. O diretor médico, Dr. Karlos Figueredo, enfatizou que está há mais de 10 anos trabalhando no HGCA e viu de perto toda a transformação que a unidade passou. “Minha jornada de mais de uma década no HGCA testemunhou a incrível transformação que nossa unidade alcançou. Cada passo dado em direção ao progresso representa nosso compromisso com a excelência na saúde e no ensino médico,”, concluiu , Dr. Karlos Figueredo.

A formação no Clériston Andrade teve início em 1991, com as residências em Pediatria, Clínica Médica, Cirurgia-geral, Ginecologia e Obstetrícia. Passaram-se 32 anos e atualmente o hospital dispõe de 18 vagas de residência em 4 áreas da medicina por ano: clínica médica, ortopedia, UTI e cirurgia básica e geral.

Fonte: ASCOM/HGCA

OUTRAS NOTÍCIAS