Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on email
Share on linkedin

Comissão aprova projeto de deputado baiano que torna inelegível quem furar fila da vacinação

Comissão aprova projeto de deputado baiano que torna inelegível quem furar fila da vacinação

A Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) da Câmara Federal aprovou nesta quinta-feira (1º), por unanimidade, o projeto de lei que torna inelegível por oito anos quem burlar o Plano Nacional de Imunização (PNI) com o objetivo de ter acesso antecipado a vacinas.

De autoria do deputado federal Félix Mendonça Júnior (PDT-BA), a matéria foi relatada pelo deputado Daniel Freitas (PSL-SC) e segue agora para apreciação em plenário

O texto altera a Lei de Inelegibilidade para punir os “fura-filas” que tentam beneficiar a si próprios ou a terceiros em qualquer campanha de vacinação, inclusive contra a Covid-19.

“Com a necessidade da terceira dose da campanha de vacinação contra a Covid-19, precisamos ter mais instrumentos legais para inibir o que aconteceu muito no início da imunização nesta pandemia, quando tomamos conhecimento público de casos em que políticos ou pessoas que pretendem ser candidatas tiveram acesso antecipado a vacinas até para beneficiar terceiros. Isso já é crime comum, e, com esse projeto, vira também infração política”, explicou Félix.

Informações: Politica Livre

OUTRAS NOTÍCIAS