Casal que trabalhava com venda de rifas é morto a tiros em praia na Barra do Jacuípe

Foto-Reproducao-Redes-Sociais-640x350-1

Um casal que trabalhava na internet com a venda de rifas foi morto a tiros no último domingo (11). O crime aconteceu em uma praia na Barra do Jacuípe, em Camaçari, na Região Metropolitana de Salvador.

As vítimas foram identificadas como Rodrigo da Silva Santos, 33 anos, e Hynara Santa Rosa da Silva, de 39, conhecidos como DG e Naroka Rifas. Nas redes sociais, eles já somavam mais de 100 mil seguidores. O casal foi atingido por disparos no peito e na cabeça, e deixa dois filhos.

Horas antes do crime, DG e Naroka compartilharam em suas redes sociais vídeos em que aparecem curtindo a praia em uma moto aquática.

De acordo com a Polícia Civil, equipes do Serviço de Investigação foram ao local do crime (Silc/RMS) e realizaram os levantamentos iniciais. A autoria e a motivação crime serão investigadas pela 33ª delegacia de Monte Gordo.

Fonte: Metro1

OUTRAS NOTÍCIAS