Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on email
Share on linkedin

Caminhoneiro diz estar arrependimento após ser acusado de atirar seis vezes e atropelar ex-namorada

Caminhoneiro diz estar arrependimento após ser acusado de atirar seis vezes e atropelar ex-namorada

donizeti

Nesta quinta-feira (14), um caminhoneiro afirmou à Justiça que está arrependido após ser acusado de atirar seis vezes e atropelar a ex-namorada no estacionamento de um supermercado em Franca, São Paulo.

Segundo a Justiça, a alegação foi feita durante as audiências de instrução no processo por tentativa de homicídio qualificado e feminicídio.

De acordo com a polícia, Donizete Luiz de Pádua, de 48 anos, está preso preventivamente no Centro de Detenção Provisória (CDP) de Franca desde maio, depois de ser considerado foragido. Ele é acusado pelos crimes contra Juliana Proença Ferreira, de 37 anos, em 25 de abril. Imagens de câmeras de segurança gravaram toda a ação.

A vítima sobreviveu e recebeu alta do hospital após duas semanas do crime. Segundo o G1, ela também foi ouvida no Fórum nesta quinta-feira e não quis gravar entrevista.

Veja o vídeo:

Foto | EPTV

OUTRAS NOTÍCIAS