Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on google
Share on email
Share on linkedin

Bolsonaro afasta deputada da liderança do governo após voto contra o Fundeb

Bolsonaro afasta deputada da liderança do governo após voto contra o Fundeb

A deputada federal Bia Kicis (PSL-DF) não é mais a vice-líder do governo no Congresso Nacional por decisão do presidente Jair Bolsonaro. A decisão foi publicada no Diário Oficial da União.

Bia Kicis e outros seis deputados votaram contra o fundo que financia a educação básica, o Fundeb. Parlamentares governistas contam que o presidente ficou muito incomodado porque os votos contrários ao Fundeb por parte de políticos tão próximos alimentaram o discurso da oposição de que a intenção de Bolsonaro não era aprovar o texto tal como foi aprovado.

O governo, de fato, chegou a apresentar um texto diferente da versão aprovada, mas acabou vencido ainda durante a fase das negociações.

Ao blog de Natuza Nery, no G1, a deputada falou: “Votei de acordo com minha consciência. Assim como o presidente sempre votou com a consciência dele quando era parlamentar. Ele sempre foi um modelo pra mim e continua sendo”.

Defensores de Bia Kicis contam que a parlamentar foi coerente com o pensamento bolsonarista, mas que acabou sendo punida por isso. Já aliados do Centrão, grupo político que acaba de embarcar no governo, dizem que já passou da hora de Bolsonaro mudar de estilo. Para esse grupo, “mudar de estilo” significa não seguir os conselhos nem reproduzir a conduta do que chamam de ala radical.

OUTRAS NOTÍCIAS