Ataque com seringa volta assustar população

cpagulha-1200x600

cpagulha-1200x600

Após várias denúncias no estado da Bahia, os ataques com agulhas e seringas em lugares inusitados voltaram a assustar a população brasileira. Depois de Campinas, agora foi a vez de Americana ter o registro de um caso.

Segundo informações, o autônomo Lucas Bovolini estava parado em um semáforo, a caminho da escola dos filhos, na avenida da Saudade, quando foi abordado. O pedinte queria dinheiro, porém, o homem disse que não tinha como ajudar. Logo em seguida, o agressor enfiou uma agulha no braço esquerdo do motorista e saiu correndo.

Bovolini, assustado, procurou o hospital, onde informou do ocorrido e foi medicado. Agora, ele irá passar por diversos exames para saber se foi infectado por alguma doença. O resultado dos exames deve sair em 90 dias. Além de aguardar os exames, ele também terá que tomar medicamentos pelos próximos 28 dias.

A vítima postou a foto da agulhada em redes sociais, também para conscientizar os amigos, e teve mais de 100 reações, 70 comentários e diversos compartilhamentos.

Em Campinas:

Em agosto, uma jovem de 23 anos foi atacada em Campinas, quando retornava do trabalho, na rua Dr. Ricardo. Ela percebeu após ver um pequeno sangramento no braço.

A jovem também procurou atendimento médico e tomou diversos medicamentos, além de realizar exames para saber se há alguma contaminação de doenças como HIV, hepatite B, sífilis, entre outros.

Em São Paulo, mais de 20 casos foram registrados desde o ano passado e um homem foi preso.

Foto: Reprodução/TV Band

OUTRAS NOTÍCIAS