Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on google
Share on email
Share on linkedin

Após Bolsonaro ter sintomas de coronavírus, família também será testada

Após Bolsonaro ter sintomas de coronavírus, família também será testada

Após o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) apresentar sintomas da Covid-19, doença causada pelo novo coronavírus, a família do chefe do Executivo federal também será submetida a novos exames para verificar se contraiu a doença.

Bolsonaro deixou o Palácio do Planalto no fim da tarde desta segunda, às 17h42, e chegou ao Palácio da Alvorada por volta das 18h25. O trajeto entre os dois pontos costuma levar entre cinco e 10 minutos. Nesse intervalo foi ao Hospital das Forças Armadas (HFA) para testar se contraiu o vírus.

Ao chegar ao Alvorada, Bolsonaro disse a apoiadores que teria de manter distanciamento social e que estava “evitando” contato, pois havia acabado de voltar do hospital.

“Tô evitando [contato] que eu vim do hospital agora fiz uma chapa [raio-X] agora no pulmão, pulmão tá limpo. Fui fazer o exame do Covid agora há pouco, mas tá tudo bem”, disse.

O ex-deputado federal Alberto Fraga, amigo do presidente, tinha um encontro marcado com Bolsonaro, cancelado devido à suspeita do contágio. Ligou para o presidente e foi informado de que o resultado do teste sairá até o meio-dia desta terça-feira (7/7).

De acordo com a agenda presidencial, Bolsonaro se encontrou com pelo menos seis ministros de seu governo nesta segunda. Foram eles: os ministros Paulo Guedes (Economia), Braga Netto (Casa Civil), Jorge Oliveira (Secretaria-Geral), Luiz Eduardo Ramos (Secretaria de Governo), Augusto Heleno (Gabinete de Segurança Institucional) e José Levi Mello (Advocacia-Geral da União).

Além disso, o presidente recebeu, em seu gabinete no Palácio do Planalto, o presidente do Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia (Inmetro), Marcos Heleno Guerson de Oliveira Junior, o vice-presidente da NTC&Logística, Roberto Mira, e o secretário especial da Cultura, Mário Frias.

Bolsonaro já fez outros três testes para detecção do coronavírus. Em maio, o jornal O Estado de S. Paulo entrou com uma ação na Justiça para ter acesso aos exames do presidente. O governo entregou ao Supremo Tribunal Federal (STF) laudos dos três exames, todos com resultado negativo.

OUTRAS NOTÍCIAS