Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on google
Share on email
Share on linkedin

Advogado de Iuri Sheik nega que digital influencer tenha confessado crime

Advogado de Iuri Sheik nega que digital influencer tenha confessado crime

O advogado do digital influencer Iuri Sheik negou que o cliente tenha confessado o crime em depoimento à Polícia Civil. Iuri é o principal suspeito de matar o ex-sócio da banda Black Style, William Oliveira, de 28 anos.

De acordo com informações do site Bom Dia Feira, o advogado afirmou que confissão não ocorreu e que foi um interrogatório sem a presença de uma defesa.

Além disso, ele negou também a versão apresentada pelo delegado de que o ex-sócio da banda de pagode tivesse se recusado a cumprimentar o influenciador.

Segundo o site Bom Dia Feira, o advogado vai tentar fazer com que Iuri Sheik responda o processo em liberdade.

O crime aconteceu em 23 de junho, durante os festejos juninos, em uma festa ‘paredão’, em Santo Antônio de Jesus, no Recôncavo Baiano. O ex-sócio da banda baiana de pagode Black Style foi baleado e levado ao hospital, vindo a óbito em 26 de junho.

Informações: A Tarde/CdP

Foto: Alberto Maraux

OUTRAS NOTÍCIAS