Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on email
Share on linkedin

Acompanhante de luxo diz que recebeu R$ 1.500 para fazer cliente de ‘corno’ em bar no Imbuí; Assista

Acompanhante de luxo diz que recebeu R$ 1.500 para fazer cliente de ‘corno’ em bar no Imbuí; Assista

Escorpiana, acompanhante de luxo do site Elitegirl, revelou, em entrevista ao PodZé desta segunda-feira (8), que chegou a receber R$ 1.500 para realizar um fetiche um tanto quanto inusitado de um cliente: paquerar outros homens na frente dele. A situação ocorreu em bar, no bairro de Imbuí, em Salvador.

“Realizei um fetiche de corno em público em um barzinho do Imbuí. O cara me contratou e me pagou R$ 1.500 para passar umas três horas com ele”, disse.

Ela contou que chegou a beijar um homem que estava sentado em uma das mesas do bar na frente do cliente. “Sentamos no barzinho super movimentado. Os caras começaram a me olhar e eu estava liberada para paquerar os caras. Eu vi que as pessoas começaram a me olhar. Tinham três caras em uma mesa. Daí eu levantei e comecei a piscar e o cara sem entender. Depois fui lá e dei um beijinho no cara”.

Assista:

A acompanhante de luxo saiu de Alagoinhas, no agreste da Bahia, para iniciar a carreira em Salvador. Ela conta que resolveu atuar como garota de programa – como não se incomoda de ser identificada – por gostar de sexo. “Juntei o útil ao agradável”, disse. A falta de recursos financeiros também a motivou para trabalhar como acompanhante de luxo.

Informações: Bnews

OUTRAS NOTÍCIAS