parque-eolicos

O governador Rui Costa disse que a Bahia vai ser o Estado com o maior parque eólico do Brasil e já a partir do próximo ano pretende tomar essa liderança do Rio Grande do Norte, com a atração de mais empresas para se instalarem nas regiões de Juazeiro, chapada Diamantina e Sudoeste (Caetité).

Conforme afirmou o governador, durante solenidade em Morro do Chapéu, onde foi participar dos eventos dos 105 anos de emancipação do município e da apresentação da produção experimental de vinhos produzidos na região, a Bahia vai potencializar o uso da energia eólica na agricultura irrigada e no fornecimento de energia nas escolas rurais.

Rui Costa destacou que o estado vai bancar a infraestrutura, a exemplo do que fez em Caetité e em Morro do Chapéu, para que as empresas interessadas na exploração de energia eólica (produzida pela força dos ventos) possam se instalar no interior. “A diferença dos outros estados produtores, é que esses ventos se concentram mais no litoral, e no nosso caso, na região do Semiárido, com potencial bem maior “disse””.

Além da energia eólica, cujos parques em Morro do Chapéu, Brotas de Macaúbas (Chapada Diamantina) e Caetité, Igaporã e Guanambi (Sudoeste) já foram instalados, a ideia é que a partir de 2016 seja instalado um novo parque, em Juazeiro. Mas também será intensificado o uso da energia solar. “Nossos projetos são para que toda escola da zona rural seja abastecida por energia solar e o funcionamento dos poços artesianos seja por energia eólica”, disse o governador.