Uma jovem deu entrada na emergência do Hospital Geral Clériston Andrade (HGCA), por volta de 1h15 da madrugada desta sexta-feira (23).

Segundo relatou a mãe, a jovem desapareceu na quarta-feira, dia 21. A família estava à procura e no dia seguinte ela apareceu em casa em estado de choque e com marcas no pescoço. Ela informou à mãe que foi estuprada.

Não há maiores detalhes de onde o estupro teria ocorrido e nem as circunstâncias.

Fonte Acorda Cidade, com informações do repórter Ed Santos